Verdes

Aviso aos Navegantes:a Renata Lins publicou este post (Meus 50 tons de…) que incendiou a imaginação d@s bisc@s deste nosso querido Club. Decidimos, pois, cada um@ tratar do erotismo como lhe apetece. Inclusos @s convidad@s. Tem sido uma quinzena caliente não lhes parece?

#Erotismo em Nós
Verdes, Cláudia

Nada me instiga mais do que um olhar. Daqueles que parecem ler pensamentos, anseios, desejos. Olhar que, ao cruzar com o meu, dispensa o uso de palavras. Olhar que faz o corpo todo ferver, na mais perfeita (des)harmonia.

Foi mágico, desde o primeiro instante. Risadas, bom papo e aquele frescor que nos envolve quando conhecemos alguém interessante. Silêncio gostoso. E ele, o olhar. Olhar que me pegou feito um raio. Verdes olhos, onde eu quis por inteiro mergulhar.

E assim fiz. E faço, sem o menor pudor. Quero que me olhe cada vez mais. Quero me esbaldar nesse brilho de vida e de paixão que emana de seu semblante. Quero sentir cada pedacinho de você enquanto perco-me nestes verdes. Meu tom de verde favorito.

O que explica tanto furor, tanta vontade?

Seu olhar me diz, mesmo que eu saiba disso há muito tempo, que sou livre. Livre para estar em chamas, sem limites. Livre para decifrá-lo. Livre para mostrar-me inteira. Livre para deixar que o meu corpo conheça o seu. Livre para que eu também dispense o uso de qualquer palavra, já que minhas mãos, beijos e suspiros são perfeitamente capazes de traduzir.

E logo eu, que um dia pensei que algo do tipo era exagero de quem afirmava sentir… Hoje não abro mão. Ah… Como é gostoso… Como é sensacional o frio na espinha que dá só de lembrar. Ai, se você estivesse comigo neste instante. Se eu pudesse agora mesmo perder-me contigo…

Como disse lá em cima, nada, nada MESMO me instiga mais do que um olhar. Olhar como o seu. Olhar que é apenas um prenúncio para um irresistível deleite. Deleite banhado em verde. Meu tom de verde favorito…

 

Outros textos da série #Erotismo Em Nós:

Sobre Beijos e Línguas, Augusto Mozine

Façamos, Renata Lima

Trinta Anos Quase, Renata Lins

Orgia com Brando e Schneider, Lis Lemos

O triângulo aponta o caminho, Niara de Oliveira

Erótico Pornográfico, Bete Davis

Águas Feminnias, Sílvia

Espera, Raquel

Inverno, Perséfone

 

Sobre Cláudia Gavenas

Paulistana, 26. Designer, gateira, feminista e musical. Meio perdida na vida, mas não tem certeza se realmente quer se encontrar...
Esse post foi publicado em desejos de biscate, erotismoemnós, uma biscate quer e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

Uma resposta para Verdes

  1. Anita Dutra disse:

    “Meus olhos verdes em um quarto azul”, dizia Charles Bukowski, que sabia BEM os os olhos e armas que tinha. ;)

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alteração )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alteração )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alteração )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alteração )

Conectando a %s