Biscates em luto, na luta pela liberdade sempre

Minha coluna em luto. Eu. Vocês. Elas. Todas.

Dadas como presente, de outrem a outrem.

Elas não. Não tiveram palavra. Eram só corpos.

Como fica a liberdade em tempos de estupro coletivo? Hoje só me calo.

Ser biscate é um privilégio.

* * *

Este texto se refere ao estupro coletivo seguido de assassinato de respectivamente sete e duas mulheres, por dez homens, no município de Queimadas (PB). A mídia não disse, ninguém quase disse, então é nosso dever dizer. Um crime de gênero contra mulheres – esse mecanismo tão cruel de cercear a liberdade de nossos corpos. Leia textos muito bons sobre isso aqui.

Não dá pra calar: Estupro Não é Sexo!

Esse post faz parte da blogagem coletiva de repúdio ao caso de Queimadas, convocado pelas Blogueiras Feministas e pelo Luluzinha Camp. Para fazer parte, basta externar sua indignação e reportar para que seus posts sejam linkados nas páginas desses blogs.

Sobre Marília Moschkovich

Socióloga, escritora, militante feminista e ativista política. No instagram e no twitter @mariliamoscou, no facebook /mari.moscou ; blog em mariliamoscou.com.br
Esse post foi publicado em biscatagi séria, memória biscate e marcado , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

7 respostas para Biscates em luto, na luta pela liberdade sempre

  1. Paula disse:

    O pior de tudo é que eu só vi essa notícia em blog como o da Lola, aqui e alguns outros. As “grandes mídias” nada disseram sobre o caso.
    É um absurdo

    • Lucia Freitas disse:

      Paula,
      Até disseram, sim. Saiu na TV e no Jornal da PB, no G1… só que a repercussão é mínima…
      Sensação de que estamos anestesiados e perdidos.

      • Paula disse:

        Ahh, fui ver depois em alguns jornais, até comentar aqui ainda não tinha visto. Não sei o que é pior, porque mesmo assim quase não se ouviu comentários sobre o casa por ai.

  2. Pingback: Blogagem coletiva: repúdio ao caso de estupro e assassinato como presente de aniversárioBlogueiras Feministas | Blogueiras Feministas

  3. marcio ramos disse:

    … tem que falar mesmo… e nem tem que esquentar se a imprensa maldita não deu o devido espaço esta imprensa maldita tem que ser mal vista e mal vinda de uma vez por todas…

    … conheci a Biscate la no outras palavras e segui ate aqui…

  4. Pingback: Blogagem coletiva: repúdio ao caso de estupro e assassinato como presente de aniversário | Rádio Cirandeira

  5. Pingback: Estupro: o que nunca será sexo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s