Biscate Absoluta

Depois da estréia com a biscate mais classuda e clássica, a magnífica Gilda, as quintas de cultura hoje apresentam, orgulhosamente,

A Biscate-absoluta:

Stefhany.

Stefhany é uma cantora piauiense, que estourou no YouTube com um vídeo amador, cantando:

Eu sou linda. Absoluta. Eu sou Stefhany.

Críticas ela ouviu. E leu. Várias.

Mas a todas rebateu com um gingado e um meneio da longa cabeleira (a jogada de cabelo é um trunfo infalível de uma biscate. Curtos, compridos, lisos ou crespos, pretos, ruivos, loiros, castanhos ou cinzas, não importa) um sorriso deslumbrante de adolescente periguete perigosa, biscate mirim, testando seus trunfos, e dando seu recado

Eu sou absoluta.

Se não vou chorar nem desesperar por um bobo e velho romance, acha mesmo que suas críticas vão me parar?

Eu vou é usar todas as fantasias que sempre desejei, testar todos os penteados que nas loiras lisas vocês acham o máximo, e vou cantar pra vocês:

Eu te ordenei: bote a mão na minha cintura, diz que eu sou absoluta!

Biscate não fica esperando no portão. Pega o Cross Fox, o Fuscão, o Porsche, o metrô, o trem, o ônibus, a bicicleta, o tênis, o cavalo, o camelo, uma Harley Davidson ou vai descalça e à pé mesmo. Sai pra dançar e se divertir.

Stefhany merece o posto de Biscate porque não fica esperando no portão. Vai atrás do que quer, e comanda:

Menino sexy, sexy, sexy
Menino lindo, lindo, lindo

Você não pode parar
Vem comigo dançar

Ela se diverte em cada vídeo. Experimenta poses, faz beicinho, joga o cabelo.

E não baixa a cabeça.

O preconceito que já existe contra as biscates contra ela ainda ganha os contornos do preconceito de classe e de origem: ela é do Piauí!

Ora, quem ela pensa que é para fazer sucesso na internet, no sudeste, ir parar na tv? Aqui é terra de gente cool, descolada, blasé e intelectual, que gosta de Chico Buarque… (teve outra biscate adolescente que também começou na internet, sabem quem pode ser? Uma dica: tchururu….)

E agora, colocamos no mesmo balaio, Chico, o lindo, do nosso hino, e Stefhany, a Absoluta. Outro hino da biscatagem!

Somos biscates, do norte ao sul, do Oiapoque ao Chuí, dizemos bah, vixi, uai, meu, puxamos os erres, os esses, jogamos os cabelos, e dizemos:

Eu sou linda. Absoluta. Eu sou biscate!

[o segundo vídeo foi dica da Caso me esqueçam, no twitter. Biscate internacional!]

* E caso você nunca tenha se fantasiado de biscate de videoclipe no quarto, e dançado na frente do espelho… hum… não sabe o que está perdendo. Quem acha que essas meninas estão inovando… antes só não tinha o “você tuba”. (biscate pré-internet e câmera digital)
Esse post foi publicado em biscatagi é cultura, uma biscate quer e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

19 respostas para Biscate Absoluta

  1. midevaneio disse:

    Podem me julgar, mas quando vi Stefhany pela primeira vez achei ridículo (acho que fui machista)
    Mas agora amei ela, é uma musa da Biscatagi, e definitivamente biscatagi é cultura.
    Somos todas biscates e absolutas!!!Uhuuuu

    • renatalima91 disse:

      Eu também, achei brega, ridículo, etc.
      Depois, a tosquice começou a me agradar, faz parte do charme da coisa.
      E quando comecei a ouvir despida do preconceito, a letra grudou, e hoje eu acho super hit!
      Agora, o clipe de Menino Sexy, eu adoro!
      Como ela viaja, né?
      Ela fez uma super produção, de 6 minutos, e as dançarinas conseguem errar a coreografia.
      E a cena começa no mar, com guerreiras vikings usando coquinhos de como sutiã…
      E depois, de medieval, vira espacial, e depois, cenas urbanas, mulher-gato, homens de preto…
      me divirto!!!

      E ala

  2. Lia Drumond disse:

    Tem seu valor, merece respeito, mas ô musica ruim, meos deuses…. Prefiro uma crise renal do que ouvir dois minutos da diva absoluta aí.

    • renatalima91 disse:

      Lia,
      a Stefhany faz a linha do #bregaNaTL.
      Não é sempre, mas eu gosto as vezes.
      Tem um outro, que a letra é super engraçada:
      “Ei, quer casar comigo,
      sei fazer miojo, e ovo mexido!”

  3. Biscate também come maçã (biscate antes de Cristo) 😉

  4. Christine Ellen Hynde disse:

    O que mais curto na Stephany é que ela é realmente absoluta, ou seja: ela se basta. Precisa de marnada nem de ninguém. Deveria dar aulas de auto-estima essa diva! 😀

  5. Luciana disse:

    Eu acho a música péssima, a coreografia péssima, a letra péssima. Mas acho a atitude ÓTIMA!

    • renatalima91 disse:

      Como eu disse no finalzinho, eu encaro os clipes da Stefhany como cantar Britney Spears ou Gwen Stefani, ou Spice Girls, no quarto, maquiada, com a escova servindo de microfone.
      Imagino que ela se divirta tanto fazendo os clipes, quanto eu me divirto assistindo!!
      E a questão é realmente, a atitude!
      Bjs!

  6. Beto Mafra disse:

    Só faço reserva diante da cena das biscatinhas roubando os escravos das biscatonas.
    Repetem um padrão que mantém as biscates como biscateiras “ad aeternum”.

    Libertem-nos, biscates, de todo jugo!

  7. Iara disse:

    Porque tudo nessa vida é relativo, menos a Stefhany, que é absoluta. (e amei o vídeo das au pairs. me fez lembrar o “meu tempo”).

  8. Amanda disse:

    Stefhany, a absoluta! É sensacional!

  9. Pingback: Biscate Social ClubBlogueiras Feministas | Blogueiras Feministas

  10. Pingback: S.A.Q » Biscate Social Club

  11. Pingback: Sexta-Feira 13, dia oficial da Biscate |

  12. Pingback: Inventário de uma alma rebelde, de bisca |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s