É Pra Comer

Uma coisa que biscate costuma gostar? De viver um grande amor. Nem que seja, assim, por uma noite, uma semana, uma vida. O tempo que for, a biscate topa. Outra coisa? Ah, sexo. Um dos – vários – bons motivos, é que sexo é aquele momento gostoso em que os sentidos estão aguçados. Sexo dá prazer. E fome. Não à toa, Vinícius de Moraes, grande entendedor das duas coisas: biscatear e comer (mais beber do que comer, mas vamos nos ater ao tema), escreveu umas sugestões de comidinhas pra depois do amor: galinha com uma rica farofinha, ovos mexidos, camarões, sopinhas…

Claro, gostar de sexo, de amar, de comer, de tomar banho de chuva, de rodar, de noite de lua crescente, de rir alto, tudo isso são particularidades de uma biscate, não das biscates. Biscatear é ação, movimento, estilo. Não tem receita. Mas se não tem receita de mulher, nem receita de biscate, tem Receita Biscate. Uma Receita Biscate é aquela que é facinha, flexível, gostosa, fica bem em quase toda hora e lugar…né?

Uma receita bem biscate é bruschetta (até o nome é sugestivo). Meu jeitinho: você pega um pão italiano (não tem? regime de economia? pega o pão carioquinha ou pão francês de ontem que fica delícia), fatia não muito fino e rega com azeite e esfrega uns dentes de alho (ou rala o alho e coloca em cima das fatias, ou passa um pouco de pasta de alho pré-pronta). Coloca no fogo um tiquinho. Reserva. Aí pinica cebola e coloca pra refogar, quando a cozinha estiver cheirosa, retire a cebola, misture com cubinhos de tomate (quanto mais maduros, melhor), folhinhas de manjericão e pedacinhos-inhos-inhos de queijo (qual queijo? mussarela, prato, coalho, ricota….). Espalha essa mistura nas fatias douradas e coloca no forno mais um tempinho até o queijo derreter. Fácil, né? Quer diversidade? Pode substituir o combo cebola/tomate/manjericão por vários outros “recheios” (aperte nos links e saboreie):

Provolone e Bacon (biscate gulosa)

Pera com Brie (biscate noite de gala)

Bruschetta de arroz (biscate inovação)

Bruschetta com Mortadela (biscate mercado)

Bruschetta de Berinjela Assada (biscate saudável)

Bruschetta com Champignons (biscate cogumelo)

Bruschetta de abobrinha (biscate saúde)

Bruschetta doce (biscate arrojada)

.

Nota: A categoria “receita biscate” será sempre postada aos domingos, mas não necessariamente apenas com comida. Porque a gente não quer só comida… A gente quer comida, diversão, arte, cheiros, texturas, balé e quer a vida como a vida quer. Né? 😉

Sobre Borboletas nos Olhos

É melhor morrer de vodka do que morrer de tédio, disse Maiakovski. Brindo a isso enquanto acontecem-me coisas surreais. Segue o meu perfil quando me vejo assim: cara a cara comigo mesmo. Ou seja, meio de lado. Um mosaico com rachaduras evidentes. Nostálgica, mas disfarço com o riso fácil. Leio de tudo e com desespero. Escrevo sem vírgulas, pontos ou educação. Dou um boi pra não entrar em uma briga, o resto já se sabe. Considero importantíssimo saber rir de mim mesma. Nem que seja pra me juntar ao grupo. Certa da solidão, fui me acostumando a ser boa companhia. Às vezes faço de conta que sou completa, geralmente com uma taça na mão. Bebo cerveja, bebo vinho e, depois das músicas italianas, bebo sonhos. Holanda, por parte de mãe e de Chico. John Wayne, por parte de pai. Borboleta e Graúna por escolha e história. Tenho uma sacola de viagem permanente no meu juízo e a alma, de tão cigana, não para em palavra nenhuma. Gostaria de escolher meus defeitos, mas não dando certo isso, continuo teimosa. Não sei usar a nova regra ortográfica. Nem a velha, talvez. Amo desvairadamente. E tento comer devagar. Sei lá, pra compensar, talvez. Tem gente que tem a cabeça no mundo da lua. Eu não. Quando vou lá, vou toda. Sou questionadora, mas aceito qualquer resposta. Aspecto físico? Língua afiada e olhos cor de saudade. Gosto de fazer o que eu gosto. No mais, preguiçosa. Sabia o que é culpa, mas esqueci. Nada mais a dizer, prefiro andar de mãos dadas. E dormir acompanhada. Mas, bom, bom mesmo é sal, se você já leu Verissimo.
Esse post foi publicado em receita biscate, uma biscate quer e marcado , , , , , , . Guardar link permanente.

9 respostas para É Pra Comer

  1. Gente…

    Adorei as receitas e mesmo que eu tenha tentado fazer uma perfeita Bruschetta de arroz(já que amo inovar) e a travessa tenha explodido no forno(srrs) me deu ainda mais vontade de soltar biscate que sempre existiu em mim; portanto, saboreei como proporcionou o momento e ainda pude acrescentar ao queijo camarões a base de azeite e alho……..Uiiiii delícia!! A borboleta flutuouuuuuuu!!Ameiiiiiiiiii.

    FELIZ NATAL MENINAS!

    • Luciana disse:

      Joivânia, é o que sempre digo: uma biscate é um estouro! (rs). E que legal o incremento na bruschetta 😉

      • Luciana,

        Isso porque esqueci que falar da sobremesa.

        Pau de índio quente com morango(bem sugestivo)
        É uma delícia!!
        *Receita de minha origem indígena.

        Ingredientes:
        -Fruta- Morango
        -Leite moça
        -Chocolate(barra-nestlé,lacta,garoto, etc) Pode ser substituído pelo nescau(1 pequeno-para 1 litro de bebida)
        -Bebida quente a escolha do casal( vodca, Whisky,cachaça, etc)Champanhe para os que não gostam de bebidas mais quentes ou até mesmo o suco da fruta morango.
        -coco ralado

        Como fazer:
        1- derreta uma barra de chocolate
        2- coloque no liquidificador o chocolate derretido(quente) e 1litro da bebida preferida
        3- Acrescente o leite moça e 1 coco ralado-BATA BEM até obter uma consistência + ou _ homogênea.
        4- Leve ao congelador e deixe por 15 minutos
        5- Retire, balance bem e deixe mais 15 minutos para congelar normalmente.
        6- Pode saborear
        Onde ficam os morangos?
        Servirá para decorar a taça para lambuzar e se deliciar como desejarem.

        A receita propõe que biscate sejam bem comidas e bem amadas… Fica dica, já comprovada………… srrsrs 🙂

        Beijos.
        Josi.

  2. Adoro receita biscate!!!

  3. Beto Mafra disse:

    Incrementando:
    Na primeira ida ao forno, com o azeite e o alho, “esqueça” uma tirinha discreta de bacon sobre a fatia.
    Tirou do forno?
    Cobertura preparada?
    Coloque uma gota de mel sobre o pão recém saído do forno.
    Termine a bagaça e devolva ao forno enquanto “tira uma rapidinha” aperitiva.

    • Beto, pela (des) ordem:
      1. reconheço: bacon é a comida de biscate por excelência;
      2. gotinha de mel foi toque de gênio, agridoce é o meu esporte – como eu diria se, enfim, trabalhasse na ESPN;
      3. Uma rapidinha é covardia, você nem sabe como a imaginação da galera aqui é fértil…

      Tá vendo, você deve comentar sempre…

  4. Pingback: Sexta-Feira 13, dia oficial da Biscate |

  5. Pingback: Uma Receita Para o Amor |

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s